Desemprego entre chefes de família causa acúmulo de dívidas e separações de casais

Diante da realidade vivenciada por todos no país o desemprego virou algo corriqueiro que vem dificultando a vida de milhares de chefes de famílias brasileiras trazendo grandes consequências. Aluguéis, conta de luz e água fora alguns impostos são exemplos de dívidas acumuladas que vão surgindo com o passar do tempo de desemprego e falta de uma renda.

Todo o final do ano a maioria da população brasileira se prepara para o pagamento do IPTU, como é o caso dos moradores de Minas Gerais e Rio de Janeiro que já andam começando a se organizar para realizar o pagamento do IPTU RJ 2021 e IPTU Belo Horizonte 2021. Dívidas essas que são fixas são as mais importantes, já que diz respeito as moradias da população e o seu bem estar. Dificuldades no pagamento e quitação trazem consequências além das dívidas que refletem diretamente na convivência dessas famílias.

Dificuldades financeira é um dos principais fatores que trazem desentendimentos em uma vida a dois e piora quando se tem mais gente envolvida, podendo chegar ate em separação. O desemprego vem atingindo grande parte da população devido ao fechamento de empresas e corte de gastos e isso vem criando uma bola de neve na economia que traz mais desempregados a sociedade.

Papel dos chefes de família

Os chefes de família recebem esse papel involuntariamente e muitas vezes por questões sociais são os homens que desempenham essa função em sua maioria, mas não excluindo os casos em que as mulheres tomam esse lugar. Por ser chefe de família funções como pagamento de dívidas, organização familiar e facilitadores de problemas são típicas a eles e a cobrança muitas vezes é alta.

Devido a toda pressão posta a eles brigas e discussões são recorrentes e o esgotamento mental é comum, principalmente quando essas pessoas perdem sua segurança financeira e com isso uma de suas “obrigações” fica fora de controle provocando resultados desastrosos na convivência.

Pessoas com todas as suas contas e investimentos no controle tendem a produzir e se sentir melhores do que pessoas que enfrentam problemas financeiros. Contas atrasadas, imprevistos financeiros e juros altos ocupam a cabeça das pessoas com preocupações e fazem com que o cotidiano seja extremamente desgastante.

Diante do acúmulo de dívidas muitas pessoas se vêm sobrecarregadas e buscam desesperadamente maneiras para contornarem essa situação. Devido ao estresse dessa responsabilidade desgastes familiares são típicos antes da solução desses problemas, mas mesmo diante dessas situações em que tudo parece perdido é essencial manter a calma e entender que é só uma fase e que tudo vai passar e a ajuda do resto da família é fundamental nessas horas para que assim não tenha nenhuma consequência desagradável no fim.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *